Joel Ferreira Franco, 24 anos, acusado de matar dois homens em abril do ano passado, no Pinheirinho, em Curitiba, foi preso por policiais civis da Delegacia de Homicídios, por volta das 14h30 do último domingo (3), na Rua Engenheiro João Bley Filho, no mesmo bairro.

Segundo o delegado titular da DH, Rubens Recalcatti, Franco é acusado de matar Johnny Goreski, em 3 de abril de 2012, e Claudinei Machado da Silva, o “Galo”, no dia seguinte. As mortes aconteceram devido a um acerto de contas entre os envolvidos, que se conheciam por pertencerem ao mundo do crime. “Uma irmã de Franco, que tentou impedir a prisão dele também foi conduzida até a Delegacia de Homicídios. Ela foi autuada pelo crime de resistência, sendo liberada em seguida”, contou o delegado.

Recalcatti destacou que Franco já havia sido preso, em janeiro, acusado de agredir sua ex-esposa no litoral do Estado. Todavia, foi solto. Nesse período, seu mandado de prisão temporária por 30 dias foi alterado para prisão provisória, sem prazo definido. “Ele começou a bater novamente na mulher e nós fomos avisados. Chegando até lá o prendemos pelos crimes anteriores”, contou.