Uma operação da Polícia Civil em seis municípios do Paraná nesta quarta-feira (21) resultou na prisão de 22 pessoas, supostamente envolvidas em roubos a fazendas e grandes empresas no interior do estado. Ordens judiciais foram cumpridas em Araruna (Centro-Oeste), Cianorte (Noroeste), Maringá, Indianópolis (Noroeste), Ponta Grossa e Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba.

LEIA TAMBÉM

> Preso suspeito de matar empresária a tiros em São José dos Pinhais

> Moto usada na morte brutal de Ana Paula Campestrini é achada enterrada na RMC

Segundo a Polícia Civil, o valor estimado de cada roubo realizado pela organização criminosa era de R$ 300 mil em média. A quadrilha roubava produtos agrícolas e fios de cobre em fazendas e empresas, com as vítimas mantidas reféns com o uso de armas de fogo, e furtava objetos de construções, como torneiras, que depois eram receptados por lojas de materiais.

Quatro dos detidos ainda foram autuados em flagrante, três por posse ilegal de arma de fogo e um por posse e receptação. A Polícia Civil cumpriu também 26 mandados de busca e apreensão, de objetos que haviam sido roubados, veículos e armas.