Com o objetivo de evitar que escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) sejam alvo de vandalismos e furtos, a prefeitura de Curitiba está instalando câmeras de segurança nessas unidades a partir desta semana. De acordo com a administração municipal, alguns desses espaços já possuem o equipamento e, a partir deste mês, mais 64 unidades passarão a ter segurança monitorada.

Ainda segundo a prefeitura, no ano passado, entre furtos, arrombamentos e atos de vandalismo, foram registradas 872 ocorrências em escolas públicas municipais, segundo dados do Departamento de Logística da Secretaria Municipal da Educação. O valor para instalação das novas câmeras é de R$ 900 mil.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

Escolha das escolas

As unidades contempladas com as novas câmeras são aquelas em áreas vulneráveis e com histórico significativo de furtos de cabos de energia elétrica, cilindros de gás e de vandalismo. A instalação começou pelo Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Vila Verde, na CIC, que no ano passado registrou 15 ocorrências.

Segundo a diretora do Departamento de Logística, Maria Cristina Brandalize, uma equipe vai acompanhar em tempo real o funcionamento do sistema. “Os equipamentos vão contar com câmeras analíticas de vídeo, além do monitoramento via sistema de segurança on-line. Com isso, ações de furtos e vandalismos são abordadas em tempo real”, explica ela.

Além disso, as rondas escolares da Guarda Municipal também serão intensificadas.

+Leia também: Curitiba negocia liberação de R$ 146 milhões para obras. Veja quais são!

Denúncias de vandalismo

Moradores vizinhos de escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) podem contribuir para inibir a ação de vândalos. Além do telefone 153 da Guarda Municipal, é possível ligar para a empresa G5, contratada pela Secretaria da Educação para o serviço de monitoramento interno (áreas cobertas por sensores). O telefone é 3045 7940.

O apoio da comunidade é importante para que a Guarda Municipal e a polícia possam agir rapidamente quando for necessário proteger os espaços de educação da cidade.

Obras da Linha Verde estão paradas? Entenda por que isso está acontecendo!