A prefeitura de Curitiba está alertando para dois novos golpes do coronavírus que estão sendo praticados na região. Estes não são os primeiros crimes praticados por bandidos durante a pandemia.

No primeiro deles, criminosos disfarçados de funcionários e agentes da Secretaria da Saúde de Curitiba estão batendo na porta das casas de moradores da capital, fingindo que vão fazer uma coleta de exames para cometer crimes. 

LEIA MAIS: Mais 31 pessoas testam positivo pra coronavírus em Curitiba, ninguém morreu nas últimas 24 horas

“Há um carro, muito similar ao que a prefeitura usa, tipo um gol branco, em que essas pessoas vão com um avental e uma caixa de isopor. Elas batem nas casas dizendo que estão fazendo uma pesquisa para colher os exames. Não atendam. Não estamos ainda fazendo isso. Jamais pessoas aleatoriamente irão fazer essas coletas”, alerta Márcia Huçulak, secretária municipal da saúde. “Nossos funcionários todos tem identificação, crachá, assim como os carros”, complementa.

O segundo golpe são ligações de criminosos em nome da prefeitura para coletar dados pessoais. Mais uma vez, a secretária da saúde avisa que esse procedimento não é realizado. 

LEIA MAIS: Cinco são presos no PR suspeitos de aplicar golpe de R$ 75 mil fingindo ser da Receita Federal

“Tem pessoas ligando e pedindo dados a título de avaliação do coronavírus. Primeiro, que quando a nossa equipe liga para alguém, nós temos as informações. Não precisamos que ninguém passe CPF, RG, nome ou informação dessa. Se alguém ligar dizendo que é da secretaria da saúde ou da prefeitura, não dê, porque a nossa equipe tem as informações”, explica Huçulak.

Se você se deparar com uma situação dessa, chame a Polícia Militar pelo telefone 190.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?