Uma ação conjunta da Prefeitura de Curitiba e da Copel retirou neste sábado (06) 40 postes de energia da Rua Comendador Araújo, entre as ruas Visconde de Nacar e Desembargador Mota, na região central da cidade. A ação reforça o compromisso da atual gestão de facilitar os deslocamentos e a circulação de pessoas, com base nos princípios de sustentabilidade e de desenvolvimento local.

A ação foi acompanhada pelo prefeito Gustavo Fruet e pelo secretário municipal do Governo, Ricardo Mac Donald Ghisi. Fruet destacou que a negociação com as empresas de telefonia, internet e TV a cabo e a participação da Copel foram fundamentais para que retirada dos postes acontecessem. “Conseguimos fazer 1,5 quilômetro de extensão, graças à parceria da Copel e à cooperação de três empresas concessionárias de telefonia. Foi um processo demorado, de alto custo, de cerca de R$1 millhão, que será dividido entra as partes. A Rua fica visualmente mais bonita e também mais segura para a população”, disse o prefeito, lembrando que durante o processo de retirada dos postes foram encontradas diversas ligações clandestinas. Agora, sem os postes, redes de fibra ótica e energia foram transferidos para dutos subterrâneos na via.

“Temos a intenção de iniciar o mesmo processo em outras regiões da cidade. Inclusive nos bairros”, destacou o secretário do Governo. A próxima reunião para tratar do tema está agendada para quinta-feira (11).

O trabalho, em quatro quadras da Comendador Araújo, chamou a atenção de moradores e frequentadores da região. O aposentado Aldir Filho caminha pela rua diariamente e disse que, além do aspecto visual, o excesso de cabos e postes atrapalhava o deslocamento causando transtorno aos pedestres. “Era uma bagunça. Atrapalhava para caminhar e também tinham muitos fios de luz soltos e pendurados pelo caminho. Agora está bem melhor”, avaliou.

A chef de cozinha Joy Perin trabalha em um restaurante da Rua 24 de maio, esquina com a Comendador Araújo. Segundo ela, além da segurança para curitibanos, a retirada dos cabos e postes torna a rua, composta por diversos estabelecimentos comerciais, como bancos, lojas, mercados, conveniências e hotéis, mais preparada para receber turistas. “É importante esse trabalho para que os turistas fiquem com a ideia de que a cidade está organizada, buscando soluções para melhorar os aspectos visuais das ruas e segurança”, lembra.

Além da retirada dos postes, equipes da Prefeitura recolheram o cabeamento que ainda havia nos postes e iniciou recomposição das calçadas da rua.

Paraná Online no Google Plus

Paraná Online no Facebook