Sete presos da oitava galeria da Penitenciária Estadual do Paraná I (PEP I) renderam dois agentes penitenciários e organizaram um motim, por volta das 16h de ontem. O motivo, segundo a assessoria de imprensa da Secretaria da Justiça (Seju), foi a solicitação de transferência para Foz do Iguaçu e Londrina, cidades onde estão as famílias dos detentos. Os agentes foram rendidos quando os presos eram recolhidos do banho de sol. No fim da tarde, o diretor do Departamento de Execução Penal do Paraná (Depen), Cezinando Paredes, com o apoio da Polícia Militar, já havia concluído as negociações com os detentos. A transferência ficou marcada para ocorrer na noite de ontem.

A Seju começou a sindicância interna para investigar fugas nas PEP I e II. O prazo inicial era 25 de fevereiro, mas, segundo a assessoria de imprensa da secretaria, por causa da burocracia, foi estendido até metade deste mês.