O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (DEM), voltou a ressaltar a importância do isolamento social como medida para conter o avanço do coronavírus na cidade.  Curitiba tem, segundo boletim desta quarta-feira (15), 358 casos da doença e oito mortos. O vídeo foi publicado após uma carta aberta da Associação Comercial do Paraná (ACP) direcionada ao prefeito na qual o órgão pressiona para a reabertura do comércio na cidade.

Greca ressaltou que o trabalho da prefeitura é de sensibilizar a população para que se mantenha em isolamento social. “Não decretamos estado de sítio, respeitamos o direito de ir e vir e procuramos ganhar as pessoas pela inteligência e pelo coração, muito mais do que pela força. Não acredito que autoridade se imponha pela força”, disse.

LEIA MAIS – Curitiba não precisa de hospital de campanha por ora, mas tem plano B no Barigui

O problema é que o isolamento social vem deixando muitos trabalhadores sem renda, como é o caso de taxistas que tiveram quedas drásticas no número de corridas e também motoristas de aplicativo que tiveram que devolver carros alugados por causa do baixo movimento.

No lado dos pequenos empresários, conforme disse a ACP no pedido de reabertura, o temor de falência é grande. Tanto que muitas lojas que não trabalham com produtos essenciais voltaram a abrir as portas. Há, inclusive, segundo a Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas do Paraná (Abrabar-PR), o risco de demissão de 50 mil pessoas por causa da crise do coronavírus.

Para o prefeito o momento é delicado e ainda sem respostas para todas as perguntas, “Não temos todas as respostas, mas temos uma disposição muito grande de sermos mais fortes que todas as dificuldades”, ressalta.

Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: