Ligado a dois dos casos mais marcantes de coronavírus em Curitiba até aqui, o Hospital Marcelino Champagnat, no bairro Cristo Rei, homenageia seus profissionais desde a noite desta segunda-feira (11).

Até o dia 17 de maio, das 19h às 22h, haverá projeções na fachada do hospital, em uma homenagem da Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS) e do Grupo Marista, que administra a unidade com 1.400 profissionais de saúde, sem contar médicos e terceirizados. A ação é em comemoração do Dia Internacional da Enfermagem, comemorado terça-feira, 12 de maio.

LEIA MAIS – Crianças pequenas, pessoas acima de 55 anos e professores recebem a vacina da gripe a partir de segunda

Foi no Marcelino Champagnat que o médico Jamal Munir Bak se recuperou da covid-19 após quase dois meses de internação. O médico, que atua na UPA Boqueirão e na cidade de Rio Branco do Sul, na região metropolitana, foi um dos primeiros pacientes a ficar em estado grave por coronavírus em Curitiba e se tornou símbolo da luta pela vida na pandemia na cidade.

No mesmo hospital, houve uma das perdas mais sentidas das 29 mortes registradas na capital até sábado (9), último dia do boletim da prefeitura. A auxiliar de enfermagem Valdirene Aparecida Ferreira dos Santos, 40 anos, morreu dia 25 de abril após três semanas internada no Hospital Onyx. Ela atuava há três anos na UTI do Marcelino Champagnat. Valdirene foi a primeira profissional de saúde a morrer de covid-19 em Curitiba. O prefeito Rafael Greca decretou luto oficial pela morte da profissional.

VEJA MAIS – Rodízio causa falta de água em 85 bairros de Curitiba e região até quinta-feira

Na projeção, serão transmitidos vídeos em que funcinonários do Grupo Marista e da província apoiam os profissionais de saúde do Marcelino Champagnat. Em nota, o Grupo Marista afirma que a ação é dedicada não só aos profissionais do Marcelino Champagnat, mas a todos que estão atuando na pandemia.

“É uma forma reconhecer o esforço de quem batalha todos os dias e cuida de quem precisa, visando o bem maior. Eles merecem nosso agradecimento e, não apenas nesse momento desafiador que vivemos, mas todos os dias”, afirma June Cruz, diretor executivo da PMBCS.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?