Em meio a crise da falta de combustíveis que atinge o país nos últimos dias, muitos moradores de Curitiba acordaram mais cedo neste sábado (26) para aproveitar algumas promoções de estofados e móveis de uma loja no bairro Novo Mundo. A Aliança Móveis preparou ofertas com preços bem abaixo das tabelas para pessoas que fossem à loja das 7h30 às 11h30. Longas filas se formaram e o trânsito na região da Avenida República Argentina ficou mais lento que o normal.

Segundo informações passadas pela gerente da loja, Washington Wassouf, o movimento registrado foi seis vezes maior do que em outros sábados.

Até às 11h30 da manhã, cerca de 7 mil pessoas passaram pela loja e mais de 2500 vendas foram registradas. Esse tipo de promoção na Aliança Móveis acontece três vezes por ano e, neste sábado, foi a segunda ação feita em 2018.

A promoção, chamada de “Quatro horas de loucura”, atraiu pessoas de toda a região de Curitiba. E não foi para menos. Foi possível comprar sofás por R$ 799, sala de jantar completa por R$ 699 e até conjunto de cama Box de casal por R$ 799. Preços bem abaixo da tabela e que chamou a atenção de quem passou pelo local na manhã deste sábado.

Foi a oportunidade que muitas pessoas, diante da crise financeira, encontraram para comprar aquele móvel pretendido há algum tempo. Caso de Aristeu Fagundes, de 34 anos, que chegou na fila às 7h para comprar um armário de cozinha que, segundo ele, está com um preço imperdível.

“Faz tempo que a minha esposa está querendo o armário da cozinha. Não tinha a chance e a oferta está muito boa. Estou aqui desde cedo e tenho certeza que vou levar o armário do sonho. Os preços estão com menos da metade do que a gente vinha vendo na televisão e no jornal”, contou.

Por isso, por volta das 11h, uma longa fila no caixa foi formada, tamanho foi o sucesso da promoção. A fila foi parar fora da loja e chegou a virar a quadra. A promoção continua até às 20h. A loja preparou promoções especiais para quem comparecer ao local a partir das 18h.

Clientes formaram uma fila enorme no caixa por volta das 11h. Foto: Eduardo Klisiewicz
Clientes formaram uma fila enorme no caixa por volta das 11h. Foto: Eduardo Klisiewicz

https://tribunapr.uol.com.br/noticias/curitiba-regiao/greve-dos-caminhoneiros-acompanhe-em-tempo-real-os-efeitos-do-5o-dia-de-paralisacao/