Após provocar terror na cidade de Guarapuava ao atacar uma empresa de transporte de valores na noite de domingo (17), a quadrilha que fechou acessos, botou fogo em caminhões e aterrorizou moradores ainda “esqueceu” uma arma de calibre 12 mm pendurada em uma árvore da região durante a fuga. Imagens do armamento, que ficou em uma árvore nas proximidades da empresa que era alto, está circulado nas redes sociais.

De acordo com a Polícia Federal (PF), a arma encontrada em Guarapuava é de uso restrito e passará por perícias para identificar sua origem.

Noite de terror em Guarapuava

A madrugada desta segunda-feira (18) foi de terror em Guarapuava, na região central do Paraná, por causa de uma investida de cerca de 30 bandidos contra uma empresa de transporte de valores situada na cidade. A madrugada foi de muitos tiros, acessos fechados, além de policiais e moradores feridos.

Segundo a prefeitura da cidade, ao menos três moradores ficaram feridos, além de dois policiais. Houve confronto e os marginais, para tentar atrapalhar o trabalho da polícia, queimaram veículos em rodovias e em frente ao Batalhão de Polícia Militar da cidade. O Exército foi acionado para ajudar na segurança da cidade.

A Prefeitura de Guarapuava anunciou, no início da manhã, que irá realizar uma entrevista coletiva nesta segunda-feira (18), às 10h, para trazer informações sobre os crimes da quadrilha.

Pantanal

Zuleica está preocupada com Marcelo

Instagramáveis

Saiba onde encontrar as lindas cerejeiras em Curitiba

Novidades da Netflix

Volume 2 de Stranger Things 4 e mais séries e filmes chegam nesta semana

Além da Ilusão

Joaquim termina seu noivado com Isadora