Um racha entre dois veículos de luxo, um Jaguar e uma Mercedes, foi flagrado em Curitiba na madrugada desta sexta-feira (3), entre Rua Monsenhor Ivo Zanlorenzi e a Rua General Mário Tourinho, no Campina do Siqueira. Segundo informações do Grupo de Trânsito da Guarda Municipal (GTran), a estimativa é de que os veículos estivessem a pelo menos 100 km/hora. A velocidade permitida na via é 60 km/hora.

LEIA TAMBÉM:

> Morre em Curitiba vítima da covid-19, empresário dono do bar Tork n’Roll

> Vai viajar ou curtir o feriadão em Curitiba? Veja como fica o tempo nos próximos dias

> Darta tomou susto nesta sexta ao ver que a gasolina baixou! Confira e veja as piadas do dia

Na abordagem, segundo o gerente do GTran, supervisor Edison Bretas, um dos motoristas envolvidos, de aproximadamente 45 anos, argumentou aos guardas que “não quis perder para um playboy que estava acelerando ao lado dele”.

Guarda Municipal flagrou a corrida ilegal pelas ruas da capital. Foto: Divulgação/GM

Multa gravíssima

Para os dois veículos foi aplicada a autuação prevista no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), para a conduta perigosa. O valor da multa de natureza gravíssima é multiplicado por dez, gerando um total de cerca de R$ 2,9 mil. Há também a suspensão do direito de dirigir.

Considerando a justificativa do motorista que disse não querer perder o racha, o supervisor da GTran foi taxativo. “O condutor não pode pensar desta forma. Ao acelerar em um limite acima do permitido para a via, ele pode provocar uma tragédia e são casos assim que queremos evitar”, complementou Bretas.

Pantanal

Zuleica não aceita morar na fazenda com os filhos

Além da Ilusão

Davi expulsa Iolanda de casa

Novidades da Netflix

Filmes e séries que chegam à Netflix nesta semana

Estreia da semana

5 curiosidades sobre “O Telefone Preto”