Alex da Silva Furtado, 20 anos, morreu no Hospital do Trabalhador, na madrugada deste domingo (31), após ser esfaqueado na Rua Padre Manoel da Nóbrega, no Fanny na noite de sábado.

Segundo o pai da vítima, Alex foi levar a esposa em Pinhais e quando voltou para casa foi surpreendido pelo agressor que o esfaqueou no olho, pescoço, peito e genitália.

O pai de Alex disse que um indivíduo conhecido como “Jorginho” teria ameaçado o filho dele, dizendo que Alex assaltou a casa dele. A polícia também não descarta a possibilidade de o crime ter sido motivado por uma briga passional.