O ano está acabando, mas ainda dá tempo de contribuir para o Desafio 100 Mil Árvores na cidade em 2021. O Horto Municipal da Barreirinha volta a abastecer as regionais com mudas de árvores nativas que podem ser retiradas gratuitamente pela população até segunda-feira (22).

São entregues 500 mudas por regional todos os meses. Para a retirada, é necessário apenas que o cidadão preencha um cadastro simples. Da mesma forma como acontece com a solicitação de mudas pela Central 156, basta informar o local e as características do plantio para que seja fornecida a espécie mais adequada. 

+ Veja mais: Hospital de Clínicas de Curitiba desativa a maior ala para covid-19 do Paraná

“Em áreas privadas não há restrição, mas se houver interesse no plantio em via pública – em frente de casa ou em alguma área verde – é preciso seguir algumas regras”, explica o diretor de Produção Vegetal da Secretaria do Meio Ambiente, José Roberto Roloff. Isso porque a cidade tem normas de urbanização, fiação elétrica e outras características que precisam ser levadas em consideração.

Estão disponíveis espécies como os ipês amarelo, roxo e roxo anão, uvaia, pitanga, araçá vermelho, palmeira imperial, entre outras. 

Arvorômetro

O cadastro também serve para abastecer o arvorômetro, o placar de plantios do site do Desafio das 100 Mil Árvores. No segundo ano da proposta, já são quase 170 mil novas mudas na cidade. 

+ Leia mais: Startup curitibana aposta em tecnologia para cuidar da saúde de animais de estimação

“Além de embelezar as nossas ruas, as árvores têm papel fundamental no equilíbrio térmico e, ainda, em reduzir a presença do gás carbônico no ar, um dos maiores vilões do aumento da temperatura no planeta”, destaca Roloff.

Antes que acabe

O engenheiro agrônomo responsável pela produção do Horto, Roberto Salgueiro, lembra que a procura é grande e o estoque esgota rapidamente. “Mas sempre atendemos a população pela Central 156, com retirada de mudas em nosso Horto”, avisa. “E, em dezembro, em função das festas de final de ano e férias escolares, vamos antecipar a distribuição nas regionais. Os curitibanos já podem se programar”, completa.

Onde e quando buscar uma muda de árvore nativa

REGIONAL MATRIZ

Praça Rui Barbosa, 101 (a partir de 16/11 – terça-feira)

REGIONAL SANTA FELICIDADE

Rua Santa Bertilla Boscardin, 213 (a partir de 16/11 – terça-feira)

REGIONAL CIC

Rua Manoel Valdomiro de Macedo, 2.460 (a partir de 17/11 – quarta-feira)

REGIONAL PINHEIRINHO

Avenida Winston Churchill, 2.033 (a partir de 17/11 – quarta-feira)

REGIONAL TATUQUARA

Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n (a partir de 18/11 – quinta-feira)

REGIONAL BOQUEIRÃO

Avenida Marechal Floriano Peixoto, 8.430 (a partir de 18/11 – quinta-feira)

REGIONAL BOA VISTA

Avenida Paraná, 3.600 (a partir de 19/11 – sexta-feira)

REGIONAL CAJURU

Avenida Prefeito Maurício Fruet, 2150 (a partir de 19/11 – sexta-feira)

REGIONAL PORTÃO

Rua Carlos Klemtz, 1700 (a partir de 19/11 – sexta-feira) 

REGIONAL BAIRRO NOVO

Rua Tijucas do Sul, 1.700 (a partir de 22/11 – segunda-feira)

Lixo eletrônico

Quem for pegar mudas de árvores na Administração Regional do Boqueirão, nesta quinta-feira (18), pode aproveitar e entregar seu lixo eletrônico para reciclagem. A partir de agora, a entrega do material poderá ser feita, no local, durante a semana.

Tanto a distribuição das plantas quanto o recebimento do material descartável começam às 14h, na Rua da Cidadania do Boqueirão. As demais regionais também irão distribuir as mudas.



Lixo eletrônico são os componentes presentes em equipamentos elétricos como tablets, celulares, geladeiras e fogões. Eles não se confundem com lixo tóxico – como pilhas, tintas, remédios e lâmpadas – que tem coleta específica.

O material deverá ser deixado na sala nº 32, no térreo da Rua da Cidadania do Boqueirão, onde funciona a Coordenação Comunitária da Regional. A arrecadação será destinada ao projeto Ecocidadão, que reúne cooperativas e associações de coletores de resíduos e fará a retirada no local.

Quem não conseguir levar o lixo na mesma ocasião em que for retirar as mudas, pode esperar pela melhor ocasião para fazê-lo.  A partir desta data, o material poderá ser deixado na Rua da Cidadania de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h.