Uma contribuinte de Cascavel, no Oeste do Estado, é a ganhadora do prêmio máximo, de R$ 1 milhão, do Nota Paraná. Ela concorreu com 74 bilhetes gerados de 19 notas fiscais emitidas. O segundo maior prêmio, de R$ 200 mil, saiu para Curitiba. O ganhador concorreu com 15 bilhetes de 55 notas fiscais geradas. O sorteio de maio foi realizado nesta terça-feira (10).

Programa do Governo do Estado, coordenador pela Secretaria da Fazenda, o Nota Paraná devolve ao contribuinte parte do ICMS pago nas compras no comércio varejista e também distribui prêmios mensais aos contribuintes cadastrados. Ainda esta semana os vencedores do sorteio de maio serão notificados pela equipe do Nota Paraná e terão os valores depositados nas contas cadastradas.

+ Leia mais: Senac abre 140 vagas para cursos técnicos presenciais gratuitos

Quando o consumidor é contemplado com os prêmios maiores a coordenação do programa entra em contato por ligação através do número disponível no cadastro do programa. Para verificar se possui bilhetes premiados, o consumidor deve acessar seu cadastro no aplicativo ou no site do Nota Paraná e inserir o CPF e senha. Não é encaminhada mensagem por WhatsApp ou outro aplicativo. 

Prêmios

Além dos prêmios maiores, 40 consumidores foram contemplados com prêmios de R$ 10 mil. Outras 40 mil pessoas receberão prêmios de R$ 10. As entidades sem fins lucrativos concorreram a valores de R$ 100 e R$ 20 mil.

+ Leia mais: Renato Freitas recebe e-mail racista supostamente assinado por vereador, “volta para a senzala”

O Paraná Pay também realizou sorteios mensais para uso exclusivo nos estabelecimentos da área do turismo, credenciados no programa. Foram distribuídos 8 mil prêmios de R$ 100, totalizando R$ 800 mil. Os contribuintes que fizeram o aceite do Paraná Pay concorrem em ambos os programas.

Créditos

A liberação dos créditos acontecerá na próxima semana. Será devolvido também o valor separado do ICMS pago para quem abasteceu nos postos de combustíveis e pediu CPF na nota. A devolução é referente à compra de combustível feita em janeiro.

+ Veja também: Número de famílias endividadas tem maior valor dos últimos 12 anos; Dez dicas pra não cair em dívidas!

Para acumular créditos basta exigir, nos estabelecimentos comerciais, o documento fiscal no ato da compra, informando seu CPF ou CNPJ. Após o cálculo e liberação dos créditos, efetuado pela Secretaria de Fazenda, o consumidor poderá selecionar uma das opções de utilização dos créditos disponíveis no sistema. Para resgate dos créditos é necessário ter o cadastro no portal do Programa Nota Paraná.

Whatsapp da Tribuna do Paraná
RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba as notícias do seu bairro e do seu time pelo WhatsApp.