Entregadores que utilizam bicicletas para fazer serviços na rua XV de Novembro e ciclistas que circulam pela região estão sendo orientados por agentes da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) para que desçam das bicicletas ao longo do calçadão. O trabalho da Setran tem caráter educativo e estão sendo feitas abordagens de orientação, sem punição.

Ao longo desta semana, agentes da Setran vão realizar as abordagens no trecho do calçadão entre o Bondinho e a praça Osório, na Boca Maldita. “Além da orientação aos ciclistas, os agentes estão anotando o nome das empresas que os entregadores trabalham. Depois vamos entrar em contato com essas empresas para também fazer orientações”, afirmou o secretário municipal de Trânsito, Marcelo Araújo.

Na região há um intenso fluxo de pedestres e já foram registrados alguns acidentes envolvendo bicicletas. “Essa é uma ação educativa, justamente para evitar acidentes. Orientamos as pessoas a descer da bicicleta e empurrá-la ao longo do calçadão. Ninguém está sendo multado é um trabalho de orientação”, definiu Marcelo Araújo.

Na segunda-feira (4), primeiro dia da ação, 11 entregadores que utilizam bicicletas foram abordados. “Todos que são abordados acatam as orientações e passam a empurrar a bicicleta”, disse o agente Mario Jorge Farias.
O empresário João Selpa, frequentador da Boca Maldita, aprovou a ação da Setran. “Às vezes dava acidente aqui. Muitas pessoas passam aqui pelo calçadão e é perigoso, pode machucar uma criança. Esse trabalho de orientação é uma boa medida”, afirmou João Selpa.

Marion Seefeldt trabalha em um café na Boca Maldita e diariamente vê entregadores com bicicletas na região. “O mais correto é os ciclistas andarem na rua. Muitos entregadores passam aqui pelo calçadão e acaba ficando perigoso para os pedestres”, definiu.

O trabalho de orientação dos agentes da Setran será feito durante essa semana, das 8h às 17h, no trecho entre o Bondinho e a praça Osório.