Um surto de covid-19 na Congregação das Irmãs Franciscanas da Sagrada Família de Maria, em Curitiba, levou ao falecimento de cinco irmãs da congregação no prazo de uma semana. Segundo as informações, os casos ocorreram na sede da Avenida Vicente Machado, no Centro, e o local está isolado para cumprir quarentena. Outras duas irmãs estão no hospital, internadas em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e cerca de 25 testaram positivo para a covid-19.

LEIA TAMBÉM:

> Morre em Curitiba vítima da covid-19, empresário dono do bar Tork n’Roll

Curitiba antecipa 2ª dose para quem tem vacina agendada para segunda-feira

Infectados com a variante Delta têm duas vezes mais chance de serem hospitalizados

Segundo a congregação, ainda não há informações sobre a origem dos casos, pois a comunidade é aberta e, além das irmãs, há moradores idosos que vivem na casa de repouso que funciona no local. Alguns deles mantêm a rotina de consultas e exames médicos externos.

A Congregação das Irmãs Franciscanas lamentou os falecimentos nas redes sociais da instituição. Conforme as postagens, a Irmã Stella Albina, 87 anos, faleceu na quinta-feira (2). A Sofia Curvales, 78 anos, morreu na terça-feira (31). Na segunda-feira (30) faleceu a irmã Marieta Bet, 88 anos, e a irmã Elizabeth Tartas, 94 anos, morreu no domingo (29). Já no sábado (28) foi a irmã Helena Glovacki a falecer. Ela tinha 95 anos.

Na nota publicada na quinta-feira, a instituição relatou a dor sofrida com tantos óbitos. “Com muita dor no coração e pesar comunicamos o falecimento da nossa querida Irmã Stella Albina Franzoi com 87 anos e 65 anos de Vida Religiosa. Bendizemos a Deus por todo bem realizado por nossa Irmã e pedimos a ela o Descanso e a Luz Eterna!”, diz a postagem.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba