Policiais civis da Delegacia de Homicídios prenderam o segurança Alexandre Guthner Arrua, 31 anos, acusado de matar Everton Justino dos Santos, 26 anos, no dia 30 de março deste ano, no Auto Posto Ecosocial, na Rua Fagundes Varella, em Curitiba.

Na ocasião, o homem acertou cinco tiros no peito da vítima e também tentou acertar Juliana dos Santos, 33 anos, que sobreviveu. Segundo a delegada titular a DH, Maritza Haisi, o segurança se desentendeu com as vítimas e acabou atirando contra elas.

“Na terça-feira uma equipe aqui da DH cumpriu um mandado de prisão e dois de busca e apreensão na casa de vigia, na Rua Cucos, na Fazenda Rio Grande e ele foi preso”, contou a delegada. Maritza destacou que um revólver 38 foi encontrado dentro de um cofre no posto de combustíveis em uma operação anterior.