Um vídeo divulgado nas redes sociais da Prefeitura de Curitiba, na última sexta-feira (16), mostra como as equipes de saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) têm orientado o público com deficiência auditiva na hora da vacinação contra a covid-19. O atendimento, feito totalmente em Libras (Língua Brasileira de Sinais) disponibiliza intérpretes que acompanham o procedimento do início ao fim.

LEIA AINDA – Curitiba vacina contra a covid 38 anos nascidos no 1º semestre neste sábado

Para ter acesso

Para solicitar o serviço, no entanto, é preciso entrar em contato com a Central de Libras da Prefeitura por meio dos seguintes canais:

Telefone: (41) 3363-5236
E-mail: centraldelibras@curitiba.pr.gov.br
WhatsApp: (41) 99255-8206
Skype (online): centraldelibras1@hotmail.com
Horário de Atendimento: das 8h às 12h e das 13 às 17h

Surdos no Brasil

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE) divulgados em 2020, apontam que mais de 10 milhões de pessoas no Brasil têm algum problema relacionado a surdez, o que equivale a 5% da população brasileira. Destas, 2,7 milhões são completamente surdas. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a estimativa é de que 900 milhões de pessoas no mundo todo poderão desenvolver surdez até 2050.

LEIA TAMBÉMProporção de idosos internados em UTIs covid-19 caiu para 27% no Paraná

Segundo levantamento do Instituto Locomotiva, divulgado em 2019, quase 20% dos surdos do Brasil concetram-se na região sul, motivo pelo qual as sintiuições públicas e privadas têm empenhado esforços para possibilitar que essa significativa parcela da população se comunique e seja compreendida, por meio da Libras (Língua Brasileira de Sinais).