Um tigre da Malásia e três pássaros foram apreendidos numa chácara de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), na quinta-feira (28). O homem, que seria fiel depositário dos animais, ou seja, estaria com eles durante um processo judicial, chegou a se recusar a deixar as equipes policiais entrarem em sua chácara.

Conforme contou o tenente Lucas Nogueira, do Batalhão de Polícia Ambiental, foram dois dias de trabalho. “A equipe da Força Verde foi acionada para prestar apoio aos agentes do Ibama e do Zoológico de Curitiba. Fomos até a chácara, na RMC, um dia antes, mas o proprietário não nos deixou entrar.”

+ Leia também: Paranaense é eleita uma das mulheres mais lindas do mundo

Por meio de um mandado de busca e apreensão, as equipes tiveram acesso ao local e conseguiram recolher os animais. A decisão foi do juiz federal substituto, Flávio Antonio da Cruz, da 11ª Vara Federal de Curitiba. Segundo a Justiça, o tigre estava confiado em depósito desde 2014, mas o animal foi mantido de modo precário, por isso, sua retirada pelo Ibama.

Em sua decisão, o juiz determinou a entrega do animal em 24h, a contar da data da intimação, que aconteceu na quarta-feira (27). Após a retirada do tigre e das aves da chácara, os animais foram encaminhados ao Zoológico de Curitiba, onde serão cuidados a partir de agora.

Assista abaixo ao vídeo do resgate do tigre pela equipe do Zoológico de Curitiba: