Duas pessoas foram feridas no tiroteio que aconteceu por volta de 6h20 de ontem, em frente um posto de combustível, na Estrada da Ribeira, em Colombo. O empresário Luiz Fernando de Lima, 22 anos, morreu no local, uma jovem, identificada apenas como Sabrina, foi socorrida e encaminhada ao hospital da região.

Segundo testemunhas, mais de 50 pessoas estavam na frente do estabelecimento, conversando, consumindo bebidas alcoólicas e ouvindo música, quando dois homens armados chegaram e efetuaram os disparos.

Apesar de muitas pessoas estarem no local, o alvo dos matadores era o empresário. A maioria das pessoas que estavam com ele foi embora, e as que ficaram não ajudaram a polícia dando informações sobre o crime.

Luiz Fernando era proprietário de um bar executivo, naquele município, e de acordo com informações recebidas pelos policiais militares do 17.º Batalhão, antes de ira ao posto, ele havia passado em outro bar.

Confusão

O sargento Caron disse que as poucas pessoas que conversaram com a polícia, disseram que todos estavam conversando e não houve nenhum desentendimento, o que levanta a possibilidade de a vítima ter se envolvido em uma confusão no outro bar por onde havia passado.

“Também não podemos descartar a hipótese de ser uma confusão antiga, e que só foi resolvida agora, quando ele estava descontraído com os amigos no posto”, explicou.

O policial disse que essa não foi a primeira vez que as pessoas que costumam beber na frente do posto se envolvem em confusão. Em junho do ano passado, duas pessoas morreram, uma ficou ferida e outra foi presa depois de brigas, fuga, acidentes de trânsito e até um confronto com a polícia militar.

Proibição

O sargento Caron disse que é expressamente proibido consumir bebidas alcoólicas nas dependências dos postos e quem for flagrado descumprindo a lei pode ser levado para a delegacia.