Três indivíduos foram flagrados pela Guarda Municipal no momento em que tentavam sair da estação-tubo Guadalupe com cabos de energia e um nobreak furtados do local. A ocorrência, atendida por uma equipe do Grupo de Pronto Emprego Operacional (GPEO), foi na madrugada desta quarta-feira (16) depois que uma denúncia chegou para o Centro de Operações da Guarda Municipal – telefone de emergência 153.

Para praticar o furto, eles quebraram o vidro da estação-tubo. Na revista pessoal aos suspeitos ainda foi encontrado um pé de cabra. Os três, de 23, 29 e 40 anos, foram levados até a Central de Flagrantes da Polícia Civil para responder sobre os crimes.

+ Leia mais: Sanepar descobre motivo de contaminação de água em Curitiba; área terá rodízio suspenso

Por causa dos danos causados na estrutura, a estação-tubo Guadalupe precisou ser desativada. Equipes da Urbs trabalham desde as primeiras horas da manhã nos reparos necessários. Enquanto isso, os passageiros podem embarcar normalmente sem pagar a passagem.

Celulares recuperados

Já na tarde desta terça-feira (15) um homem de 47 anos foi preso pelo GPEO suspeito de furto e roubo de dois celulares na região central. Uma das situações aconteceu dentro de um ônibus e a outra na Rua Mateus Leme. 

Guardas faziam patrulhamento pela região do Passeio Público quando viram o motorista de um ônibus dar sinal de luz. Os guardas entraram no coletivo, onde foi sinalizado que havia um homem com atitudes suspeitas.

+ Veja também: Lotação de UTIs faz Curitiba fechar acordo para dobrar plantões dos médicos

Na revista pessoal foi encontrado um celular e os guardas pediram para que o suspeito desbloqueasse o aparelho, o que ele não conseguiu fazer. A vítima foi localizada na Rua Amintas de Barros e reconheceu o aparelho.

Minutos depois outras pessoas procuraram a equipe para informar que o mesmo homem tentou roubar outro celular na Rua Mateus Leme, mas em luta corporal a vítima conseguiu recuperar o aparelho. 

O suspeito foi encaminhado até a Central de Flagrantes da Polícia Civil, onde foi constatado que ele já tinha passagens pelo crime de tráfico de drogas.