As dezenas de câmeras de segurança da Lojas Americanas do Batel, na esquina das ruas Benjamin Lins e Buenos Aires, quase em frente ao shopping Crystal, não impediu o assalto, na manhã de ontem. Os bandidos levaram celulares, tablets e dinheiro dos caixas. A Polícia Militar chegou rápido, mas não em tempo de localizar os marginais.

Vitrines

Segundo testemunhas, dois rapazes e uma mulher entraram na loja. Um deles estava armado e rendeu funcionários e dois clientes que faziam compras. Logo, os bandidos pediram as chaves dos caixas e das vitrines. De uma delas, que fica logo na entrada da loja, os bandidos levaram cerca de 20 celulares e 10 tablets. Depois disto, ainda entraram no escritório e levaram dinheiro de troco dos caixas e o celular do gerente. Os clientes foram poupados.

Um funcionário, que pediu para não ser identificado, contou que, apesar dos roubos terem acalmado nos últimos meses, aquela loja, aberta desde 2007, já sofreu vários outros assaltos. Porém, o crime que mais vem vitimando as lojas, nos últimos tempos, são os arrombamentos durante a madrugada.

Modalidades

O funcionário deu como exemplo a Lojas Americanas da Rua Ébano Pereira, no Centro, que de 5 de agosto até 9 de setembro, foi invadida oito vezes, assim como comércios ao redor. Descontando os prejuízos com consertos de portas e sistemas de segurança, a Americanas da Ébano Pereira teve prejuízo de cerca de R$ 30 mil em produtos.

A rede possui 23 lojas em Curitiba e região e o gerente contou que roubos à mão armada acontecem quase todos os dias. Furtos são corriqueiros em todas as unidades e são cometidos a toda hora.