Vinte presos fugiram do 11.º Distrito Policial, na Cidade Industrial, antes de serem transferidos para o sistema penitenciário. Os detentos conseguiram escapar após cavar um túnel até o terreno vizinho da delegacia, na madrugada de ontem. Policiais que estavam de plantão perceberam a fuga e acionaram a Polícia Militar e o Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), que conseguiram recapturar três fugitivos nas redondezas.

Com a fuga, o 11.º DP havia ficado com 143 presos na unidade, que tem capacidade para 40. Mas já durante a manhã de ontem, a Secretaria da Justiça (Seju) providenciou a transferência de 30 detentos para o sistema prisional. Na semana passada, o governo estadual anunciou que o Departamento da Polícia Civil se comprometeu a reformar a carceragem do 11.º DP. A unidade deverá ser transformada em Centro de Triagem, com capacidade máxima para 40 presos, que permanecerão no local apenas durante o período do inquérito policial.

Transferências

Também foi divulgada a transferência de 240 presos de todas as carceragens de Curitiba. De acordo com o delegado Luiz Alberto Cartaxo, da Divisão de Investigações Criminais (DIC), anteontem e ontem foram transferidos 60 detidos, de distritos da capital.

“Nossa ideia é transferir pelo menos 30 por dia, mas precisamos recalcular o total de realocações de presos, principalmente agora, às vésperas no Carnaval”, disse.

Só nos distritos policiais de Curitiba há 193 presos, sem contar os 266 que estão encarcerados nas delegacias de Furtos e Roubo e na de Furtos e Roubos de Veículos. No Centro de Triagem são mais 63 detentos, e na Divisão Metropolitana da capital, o total chega a 622.