O usuário de crack Pablo Alexandre Andrade de Oliveira, 22 anos, foi assassinado com um tiro no peito na noite de domingo, no Cajuru. Segundo a irmã da vítima, Pablo foi baleado pouco depois das 21h na esquina das Ruas Dante Melara e Liberato Evangelista do Prado.

Mesmo ferido, o rapaz conseguiu correr cerca de 200 metros e caiu morto na Rua Velha na frente da casa de um amigo, que o levou até o Centro Municipal e Urgências Médicas (CMUM). Pablo não resistiu e morreu instantes depois.

A irmã da vítima contou ao investigador Edson, da Delegacia de Homicídios, que Pablo estava devendo para traficantes do bairro. Ela disse também que o rapaz tinha uma rixa com algumas pessoas, mas não soube dizer quem são, pois não tinha muito contato com o irmão.