A venda de três grandes empresas paranaenses movimentou o mercado brasileiro em junho. As aquisições foram em três áreas diferentes: educação, alimentos e serviços call center. Os valores das negociações não foram divulgados. Entretanto, as três empresas adquiridas têm grande representatividade no mercado em que atuam. Relembre quais foram as aquisições:

UniBagozzi

A primeira empresa do Paraná a ser adquirida mês passado foi o Centro Universitário Bagozzi (UniBagozzi) no dia 7. A universidade foi vendida pela Rede Oblatos de São José ao grupo brasiliense Gran Cursos Oline. A congregação que administrava a universidade em Curitiba continua na administração do tradicional Colégio Bagozzi, com 70 anos de atuação.

Especializada em cursos online para aprovação em concursos públicos, a edtech vai começar a operação no mercado universitário com a aquisição paranaense. A Gran Cursos Oline vai investir R$ 150 milhões na estrutura da Unibagozzi em três anos. A aquisição está vinculada ao aporte recebido pelo grupo de Brasília em 2021 do Fundo ESG e do banco BTG Pactual.

Conhecida como “Netflix dos concursos públicos”, a Gran Cursos planeja avançar em novas verticais de ensino. Até 2026, a companhia almeja ter 1 milhão de alunos em cursos de graduação e pós-graduação.

Jasmine Alimentos

A segunda empresa paranaense adquirida por uma grupo de fora do estado em junho foi a Jasmine Alimentos. No dia 10, a fábrica de produtos orgânicos, integrais, sem glutén, sem lactose e zero açúcar foi vendida ao grupo M. Dias Branco.

O grupo cearense que adquiriu a Jasmine é líder no segmento de massas e biscoitos, proprietária das marcas Piraquê, Isabela, Adria, Vitarella, Richester e Companhia.

Fundada em 1990 pelo casal Christophe e Rosa Allain, que vendiam produtos macrobióticos a amigos, a Jasmine se transformou em uma das principais marcas do segmento de alimentação saudável, atendendo inclusive consumidores com restrições alimentares.

Desde 2014, quando foi adquirida pela marca francesa Nutrition et Santé, a Jasmine cresceu 30% em market share, domercializando mais de 140 itens, principalmente cookies integrais, granolas, pães sem glutén e entre outros cereais. Em 2021, a Jasmine alcançou a marca de R$ 180 milhões de faturamento.

Grupo Services

Uma das líderes no serviço de call center no Brasil, a curitibana Grupo Services foi adquirida dia 13 de junho pela francesa Webhelp, líder no mercado de experiência do cliente e soluções comerciais que atua em 58 países.

Com mais de 20 anos de atuação, o Grupo Services atende clientes dos setores bancário, varejo, comércio eletrônico, telecomunicações e fintechs.

A empresa paranaense criou o primeiro contact center 100% digital do Brasil em Curitiba em 2016 e desenvolve tecnologias próprias de seus serviços. Em 2019, a empresa investiu R$ 10 milhões na nova sede no Centro de Curitiba.

Com a aquisição do Grupo Services, a Webhelp entra no mercado brasileiro. Entre os clientes que entram na carteira do grupo francês estão O Boticário, Oi, Claro, Tim, Santander, Cielo, Banco Inter e Carrefour.

Whatsapp da Tribuna do Paraná
RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba as notícias do seu bairro e do seu time pelo WhatsApp.