Até a manhã deste sábado (17), ainda era possível ver os destroços dos veículos que se envolveram em um grave acidente na BR-277, na tarde de sexta-feira (16), na pista sentido Paranaguá/Curitiba. O acidente, que deixou uma pessoa morta, ocorreu na altura do km 43 e a pista ficou totalmente interditada até as 23h40 de sexta. O tráfego só foi totalmente liberado perto das 3h20 deste sábado.

Três caminhões – um deles cegonha – e um carro se envolveram no acidente. O motorista do carro não resistiu aos ferimentos e morreu e um passageiro do veículo foi socorrido em estado grave. O motorista de um dos caminhões também se feriu gravemente. Eles foram encaminhados ao Hospital Cajuru, na capital.

+ Leia mais: Incomodados com “sumiço” de Greca, rivais organizam debate na frente do prefeito

Segundo informações do estado de saúde das vítimas, divulgadas na manhã deste sábado pelo Hospital Cajuru, o motorista do caminhão passou por cirurgia e teve um dos braços amputados. O passageiro do carro foi avaliado e já foi liberado do hospital.

O acidente ocorreu por volta das 16h30 de sexta-feira, na região da Serra do Mar, próximo do Viaduto dos Padres. A pista da BR-277, sentido Litoral, não precisou ser interditada, mas uma fila se formou por conta da lentidão do tráfego de veículos no local. No entanto, o outro sentido foi totalmente bloqueado. Por volta das 20h30, havia fila a partir do km 33, no sentido Curitiba, até o local do acidente.

Conforme informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhão-cegonha que seguia no sentido Paranaguá colidiu contra a mureta central da rodovia e em seguida bateu de frente com outros caminhões, na pista contrária. Com o impacto da colisão contra a mureta, três veículos que o caminhão-cegonha transportava caíram e atingiram um carro, também na pista sentido Curitiba.