Produzido desde 2003 exclusivamente na fábrica de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, o Volkswagen Fox sairá de linha para dar espaço à produção de outro veículo: o T-Cross. A mudança foi anunciada pela montadora alemã nesta quarta-feira (6) e levou em conta o sucesso do SUV compacto, o mais vendido no país na categoria.

Nos últimos 18 anos, a indústria paranaense produziu 1,8 milhão de unidades do Fox – cerca de 1,3 milhão deles ficou no mercado interno e outros 500 mil foram exportados. O hatch, que foi por anos um dos mais populares no país, trouxe uma série de novidades para a Volkswagen, como o motor de três cilindros 1.0 12V Total Flex e o câmbio manual de seis marchas.

+Viu essa? Empresa de Curitiba investe milhões pra lançar linha de desodorantes em Dubai

A ótima aceitação do veículo deu origem a variações como a perua Spacefox e o off-road Crossfox.

Com o fim da produção do Fox, a montadora deve focar os esforços no T-Cross, que chegou neste mês a 200 mil unidades produzidas. A estratégia aproveita o bom momento do SUV compacto no mercado. Em setembro, de acordo com números da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o T-Cross liderou as vendas nesta categoria, com 5.733 unidades emplacadas.

O automóvel ficou à frente dos concorrentes Hyundai Creta (4.550 unidades emplacadas) e Jeep Renegade (4.503 unidades emplacadas).

+Leia mais! Cervejaria investe R$ 137 milhões em fábrica no Paraná pra reduzir gases que causam o efeito estufa

Web Stories

Carinha de Anjo

Dulce chega para estragar o jantar

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz sabe!

Descubra!

Intrigantes e bizarras! Mais cinco histórias curiosas sobre Curitiba

Pra curtir!

Novas atrações turísticas de Curitiba! Partiu conhecer?