Você lembra daquela história maluca do vestido branco/dourado ou preto/azul? Então, agora é um áudio compartilhado no twitter que confunde e diverte internautas pelo mundo todo. O player (que você confere ali embaixo) toca um só áudio, mas parte das pessoas ouve a palavra “Yanny”, enquanto outra parte ouve “Laurel”.

Nós fizemos um teste na redação da Tribuna do Paraná, tocando o áudio em um volume mais alto, e tivemos cinco pessoas que ouviram Yanny, e apenas uma pessoa que ouviu Laurel. Todos garantem, de pé junto, que ouviram as palavras claramente.

Fomos ouvir um especialista para tentar entender o que acontece. Para o professor e mestrando em música na Udesc, de Florianópolis, Vinícius Nicolodelli, assim como aconteceu com o vestido, cada pessoa percebe as coisas de forma diferente. “Cada pessoa tem uma formação diferente no ouvido e isso pode causar alterações na escuta. Um bom exemplo disso é quando uma pessoa acha um som relaxante e a outra acredita que é estressante”, disse.

Para ele, não se trata simplesmente de frequência, outros fatores influenciam nessa percepção. “O que muda é o fato como o seu ouvido recebe aquilo de maneira mais fisiológica mesmo. O fator psicológico pode afetar bastante também, a partir do momento que a pessoa acredita que ela ouviu uma palavra. Fica cada vez mais difícil ou quase impossível ela ver a possibilidade de ser outra palavra”, contou Nicolodelli, que por se tratar de palavras pouco comuns aos nossos ouvidos, a compreensão também é diferente. O professor garante que ouviu Yanny.

Confusão semelhante aconteceu há alguns anos, quando a imagem de um vestido foi compartilhada milhões de vezes em redes sociais e via Whatsapp. Daquela vez a divisão parecia mais igualitária, com mais ou menos metade das pessoas vendo uma cor, e a outra vendo a combinação alternativa.

Clique no “play” abaixo e ouça você também. E ai, ouviu Yanny ou Laurel?