O número de ocorrências dos principais crimes teve queda de 13%, no Paraná, no primeiro quadrimestre deste ano, se comparado com o mesmo período do ano passado, de acordo com os dados estatísticos do Grupo Auxiliar de Planejamento da Polícia Civil (GAP). No total, foram 47.783 ocorrências registradas de janeiro a abril de 2004, envolvendo os crimes de homicídio doloso, seqüestro relâmpago, roubos em geral, roubos de veículos, cargas e bancos, furtos em geral e furtos de veículos. Nos primeiros quatro meses do ano passado, foram 54.906 registros envolvendo estas ocorrências.

“Esta é a prova de que nós estamos no caminho certo”, disse o secretário da Segurança Pública do Paraná, Luiz Fernando Delazari. Neste ano, o número de homicídios dolosos (quando a pessoa tem a intenção de matar) teve uma redução de 12,5%, em Curitiba, e de 27%, na região metropolitana. “Esses números mostram que, além do trabalho da polícia ser eficiente, a Campanha do Desarmamento tem funcionado, ajudando a reduzir os índices da violência”, avalia Delazari. O secretário explica ainda que ações especiais da polícia e investimentos do Governo vão diminuir os índices também no interior do Estado.