Com o início do ano letivo em escolas, colégios e universidades do Estado, a gerência de fiscalização do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) alerta às prefeituras que contratam serviços de fretamento para transporte de estudantes para que confiram se os veículos pertencem a empresas registradas no departamento.

Dados referentes às operações de fiscalização do transporte intermunicipal do ano passado apontam grande incidência de veículos não registrados transportando estudantes de diversos municípios às universidades estaduais no interior do Paraná.

De acordo com os fiscais, o maior índice nos dois últimos anos foi apresentado pela região norte, que concentra duas universidades, onde estudam muitos jovens vindos dos municípios vizinhos.

O secretário dos Transportes, Waldyr Pugliesi, espera que os números sejam menores no ano de 2005. Segundo ele, as operações realizadas pelo DER nos primeiros dois meses do ano têm registrado resultados positivos. "Os balanços divulgados nas primeiras semanas, relativos à Operação Verão, trazem números de autuações e apreensões menores que em 2004, e essa deve ser a tendência durante os próximos meses", relata.

O diretor-geral do DER, Rogério Tizzot, afirma que a queda nos números é um reflexo dos trabalhos do departamento no sentido de inibir a prática criminosa do transporte irregular.

Tizzot lembra que as empresas autorizadas pelo DER a realizar serviços de transporte de passageiros pelas rodovias paranaenses possuem registro junto ao departamento. "Para obter o registro, são feitas exigências que garantam a qualidade e a segurança do serviço a ser prestado".