O deputado José Dirceu (PT-SP) foi notificado pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara para apresentar a defesa escrita no processo de cassação do mandato movido pelo PTB.

A notificação foi recebida pelo chefe de gabinete de Dirceu, Hélio Madalena. O deputado do PT de São Paulo terá um prazo até as 18 horas do dia 22 para apresentar a defesa, caso haja sessão ordinária do plenário da Casa todos os dias desta semana. É que o tempo determinado para a contestação da acusação é de cinco sessões do plenário, contadas a partir do dia seguinte ao da notificação.