A venda de motocicletas caiu 8,7% em junho, comparativamente a maio, para 129.007 unidades, e amargou 27,6% de queda sobre o total comercializado em junho de 2008. Os dados foram divulgados hoje pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

Segundo a associação, em junho foram produzidas 136.267 motocicletas no País, o que representa um recuo de 3,4% ante maio. Quando comparada com a produção de junho do ano passado, vê-se um declínio de 29,5%.

Com relação às vendas para o mercado externo, subiram 3,7% em junho no confronto com maio. As 2.878 motocicletas exportadas no mês passado exibem uma queda de 74,3% ante as unidades comercializadas em junho de 2008.

No primeiro semestre, as vendas internas foram de 731.968 motocicletas (baixa de 29,62% em 12 meses), enquanto a produção acumulada ficou em 686.564 motos (-38,20%) e as exportações, em 28.539 unidades (recuo de 50,33% em um ano).