A agência de classificação de risco Standard & Poor’s rebaixou nesta segunda-feira, 24, o rating de longo prazo em moeda estrangeira do Brasil de BBB para BBB-. Agora, a perspectiva da nota é estável. Apesar do rebaixamento, o País ainda se manteve dentro do grau de investimento. Uma equipe da S&P esteve no Brasil na semana do dia 10 de março, com o objetivo passar um pente-fino nas contas públicas e conversar com agentes do mercado, investidores e autoridades do governo. A missão, que começou por São Paulo, passou também por Brasília e Rio de Janeiro. Na ocasião, a força-tarefa da S&P participou de encontros com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e com a diretoria do Banco Central.