A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) estima crescimento de 13,2% na produção de veículos em 2018, para 3,05 milhões de unidades, entre automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. Se o resultado se confirmar, o setor voltaria à casa dos 3 milhões, algo que não ocorre desde 2014.

Nas vendas para o mercado interno, a associação aposta em expansão de 11,7%, para 2,5 milhões de unidades. A expectativa é muito próxima da projeção da entidade que representa as concessionárias, a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), que fala em avanço de 11,8%.

Para as exportações, a Anfavea acredita em novo recorde. As vendas ao exterior, que atingiram máxima histórica em 2017, devem crescer 5% em 2018 na previsão da associação, para 800 mil unidades.

As vendas internas de máquinas agrícolas, por sua vez, devem subir 3,7%, para 46 mil unidades. As projeções para exportação são de avanço de 9,9%, para 15,5 mil unidades. A estimativa para produção é de 61,5 mil unidades em 2018, crescimento de 11,8% em relação a 2017.