A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou na edição de hoje do Diário Oficial da União um comunicado oficializando a prorrogação, por 15 dias, do prazo para que sejam solicitados esclarecimentos pelas empresas interessadas em disputar o leilão do Trem de Alta Velocidade (TAV). O novo prazo para pedido de informações é 16 de novembro. A alteração atende pedidos dos próprios empreendedores.

Originalmente, estava previsto que pedidos de esclarecimento poderiam ser enviados somente até hoje. O leilão de concessão está previsto para ocorrer em 16 de dezembro, às 11 horas, na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A versão consolidada do edital do TAV foi divulgada pela ANTT no dia 27 de outubro, embora a primeira versão tenha sido publicada em julho deste ano.

No novo texto, a ANTT não promoveu alterações nas linhas gerais do projeto e manteve itens como o preço-teto da tarifa do serviço Rio-São Paulo: R$ 0,49 por quilômetro na classe econômica. Vencerá o leilão o empreendedor que oferecer o menor preço de tarifa. O TAV operará no trecho Rio de Janeiro – São Paulo – Campinas.