O diretor de Logística e Gestão Empresarial da Conab, Sílvio Porto, admitiu ao divulgar o décimo levantamento da safra de grãos 2006/07, que há uma preocupação com a perda de espaço das culturas de milho e soja para a cana-de-açúcar nos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais.

De acordo com Sílvio Porto, a mudança pode "trazer pressões sobre novas áreas ou reduzir a área de pecuária".

O diretor da Conab reconheceu que no momento não se tem respostas para a questão, mas destacou que o zoneamento agrícola, econômico e ecológico é cada vez fundamental para que se obtenha um planejamento agrário para o Brasil.

O crescimento da agroenergia tem sido acompanhado com atenção não só no Brasil, mas também nos Estados Unidos, de acordo com Sílvio Porto. Segundo ele, os americanos passaram a trocar a soja pelo milho destinado à produção de etanol (álcool) a ponto das estimativas apontarem que o Brasil passará a ser o maior produtor desse grão em 2009. Hoje, o país já é o maior exportador de soja.

"Relatório lançado agora [pelo governo norte-americano] demonstra a substituição clara da área de soja por milho, o que faz com que Brasil e Argentina assumam esta ponta no mundo", disse.

Recentemente, técnicos brasileiros e norte-americanos estiveram reunidos em Washington (EUA) para discutir a questão e está prevista uma nova missão na próxima semana para os Estados Unidos a convite do governo local para uma avaliação do novo cenário, informou Sílvio Porto.

"Eles [norte-americanos] não sabem o que vai acontecer com a questão do milho, principalmente porque hoje os produtores têm a tendência de produzir muito mais para a agroenergia devido ao preço [melhor] pago pelas indústrias que transformam o grão em álcool de milho", explicou.

De acordo com Sílvio Porto, a visita dos americanos é considerada importante em termos de informação agrícola, porque o que acontece nos Estados Unidos tem um reflexo internacional muito importante em outras partes do mundo, e ajudará na obtenção de dados mais qualificados sobre a questão.