Confirmando a tendência dos últimos meses, a balança comercial iniciou setembro com mais um superávit expressivo: US$ 401 milhões apenas na primeira semana do mês. Com esse resultado, o saldo acumulado no ano subiu para US$ 5,782 bilhões. Nos últimos 12 meses, segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, o superávit da balança já chegou a US$ 7,724 bilhões, indicando que o resultado positivo de 2002 deve ultrapassar com folga a meta de US$ 7 bilhões, estabelecida recentemente pelo governo.

O superávit registrado na primeira semana do mês foi assegurado principalmente pela redução nos gastos com importações, que totalizaram US$ 860 milhões no período, ante US$ 1,261 bilhão de exportações. Os dados mostram que a média diária das importações, que já vinha enfraquecida, caiu ainda mais nos cinco primeiros dias úteis de setembro. Chegou a US$ 172 milhões, registrando uma redução de 21,4% em relação à média de setembro do ano passado, que havia sido de US$ 218,9 milhões.