Os bancários da Caixa Econômica Federal de São Paulo, Osasco e Região decidiram manter a greve que, hoje, chegou ao 23º dia. Não há data marcada para nova rodada de negociações com a direção do banco estatal. A Caixa informou que só vai se pronunciar depois que souber o resultado das assembleias em todo o País.

O banco informou ainda que apresentou proposta de acordo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito(Contec). Agora, aguarda o resultado de assembleias que ainda estão sendo realizadas. Segundo a Caixa, os clientes podem utilizar as unidades que estão funcionando total ou parcialmente e, também, a rede de canais alternativos.

A última reunião entre o Comando Nacional da Greve e a direção da Caixa foi realizada na terça-feira. Na ocasião, o banco apresentou uma proposta que trouxe modificações apenas em relação à Participação nos Lucros e Resultados (PLR), mas os trabalhadores exigem avanços na igualdade de direitos, no Plano de Cargos Comissionados (PCC) e no aumento do número de novas contratações.