O Banco do Brasil registrou lucro líquido consolidado de R$ 1,364 bilhão no terceiro trimestre, mostrando evolução de 50,3% sobre o mesmo período do ano passado.

As receitas da intermediação financeira (indicador calculado como sendo o total da receita obtida pela instituição com suas operações de crédito, arrendamento mercantil, títulos e valores mobiliário, câmbio e aplicações compulsórias) apresentaram crescimento de 14,7% e totalizaram R$ 10,460 bilhões. O resultado operacional subiu 17%, para R$ 1,788 bilhão.