O Banco Central da Austrália (RBA, na sigla em inglês) manteve as taxas de juros inalteradas em 3% ao ano pelo segundo mês consecutivo. A medida veio em linha com as expectativas do mercado. A decisão mostra ainda que o comitê de política monetária australiano está satisfeito com os rumos da economia, após os cortes da taxa ao longo de mais de um ano.

O presidente do RBA, Glenn Stevens, citou uma modesta melhora em setores da economia da Austrália e a melhora das condições na Europa e na China. “O crescimento mundial deverá ser um pouco abaixo da média por um tempo, mas os riscos negativos parecem ter diminuído nos últimos meses”, disse ele, em um comunicado. As informações são da Dow Jones.