O Banco Central da Tailândia decidiu nesta quarta-feira manter sua política monetária pela terceira reunião consecutiva, enquanto a economia do país continua a enfrentar fatores negativos, entre eles a desaceleração econômica global. O BC tailandês manteve por unanimidade a taxa básica de juros em 1,5%, como esperado pelos economistas ouvidos pelo Wall Street Journal.

A economia tailandesa enfrenta uma desaceleração, após crescer 2,9% no primeiro semestre. O governo previu recentemente que o PIB do país avance entre 2,7% e 3,2% neste ano, de projeção anterior de entre 3,0% e 4,0%.

A moeda tailandesa desvalorizou mais de 9% ante o dólar desde o início do ano e atingiu na semana passada seu patamar mais fraco em seis anos e meio, quando o dólar foi negociado acima de 36 bahts. O governo diz, porém, que isso deve ajudar a recuperação doméstica. O BC pretende manter uma política “suficientemente acomodatícia” e pode usar ferramentas econômicas para apoiar a recuperação, enquanto garante a estabilidade econômica, disse a instituição. Fonte: Dow Jones Newswires.