O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, destacou, em palestra a empresários no Paraná, o crescimento do consumo das famílias, ao comentar os números do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre divulgados hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O avanço do consumo das famílias foi de 3,2% no segundo trimestre, em comparação com o mesmo período de 2008, e de 2,1% em relação ao primeiro trimestre. “Continua sendo muito positivo”, afirmou o ministro. “Na verdade, hoje, o motor da economia brasileira é o mercado interno.”

Bernardo ressaltou ainda o desempenho do setor industrial que, apesar de ainda apresentar redução em relação ao mesmo período do ano passado, cresceu 2,1% em comparação com o primeiro trimestre. “Já tínhamos indicativos sobre o desempenho da economia e acho que foi muito bom”, disse. “O Brasil voltou a crescer.”

O ministro salientou que, levando-se em conta o desempenho apontado pelo IBGE, o brasileiro terá um “Natal gordo”. “Vai ser um Natal com as famílias consumindo muito, vendendo muito, muitas encomendas para a indústria brasileira”, animou-se. “E, em 2010, com certeza, vamos crescer 4,5%, embora já tenha gente achando que vai passar disso.”