O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil deverá crescer à razão de 3% este ano, previu nesta terça durante entrevista coletiva online o economista-chefe para a América Latina do BNP Paribas, Marcelo Carvalho. “Temos um cenário de crescimento positivo este ano, da ordem de 3%”, disse Carvalho.

Ele reconhece que não se trata de uma expansão espetacular, mas salientou que um avanço desta magnitude é suficiente para manter acesas as chamas da inflação.

Para a economia global, a expectativa do BNP Paribas, de acordo com seu economista, é de uma expansão de 3,1%. Carvalho trabalha com uma dicotomia no crescimento global, com os países avançados crescendo, em média, 1% neste ano e os emergentes, a uma média de 5%.