O mercado norte-americano de ações fechou com os principais índices em alta moderada, em dia marcado pelo anúncio da decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA). O pregão foi marcado pela volatilidade, com o índice Dow Jones chegando a cair 121 pontos e a subir 140 pontos.

Para o estrategista-chefe da Edward Jones, Alan Skrainka, houve muita volatilidade depois do anúncio da decisão do Fed porque "o Fed não disse o que alguns esperavam ouvir, ou seja, uma sinalização de que as taxas de juro serão reduzidas. Além disso, alguns investidores buscaram no comunicado do Fed algum alívio para a situação dos créditos de alto risco e isso não veio. Eles provavelmente queriam ouvir comentários mais simpáticos em relação ao que está acontecendo no mercado de moradias".

Das 30 componentes do Dow Jones, 20 fecharam em alta. O destaque positivo foi Alcoa, com alta de 2,64%, recuperando-se de quedas recentes. As ações da Exxon Mobil avançaram 2,59%, em dia de recuperação dos preços do petróleo. As ações do setor financeiro subiram, depois do anúncio da decisão do Fed: JP Morgan subiu 0 51%, Citigroup teve acréscimo de 0,50% e AiG ganhou 1,53%.

O índice Dow Jones fechou em alta de 35,52 pontos, ou 0,26%, em 13.504,30 pontos. A mínima foi em 13.347,17 pontos e a máxima em 13.608,11 pontos. O Nasdaq encerrou com ganho de 0,56%, em 2.561 60 pontos, com mínima em 2.523,44 pontos e máxima em 2.577,81 pontos. O Standard & Poor’s-500 subiu 0,62%, para 1.476,71 pontos. O Nyse Composite alcançou alta de 0,55%, para 9.606,07 pontos. As informações são da Dow Jones.