Depois de um dia de volatilidade, a Bolsa de Valores de São Paulo fechou o dia, ontem, com alta moderada de 0,18%, acumulando valorização de 1,82% na semana. A preocupação com a trajetória dos juros nos EUA gerou instabilidade no mercado acionário norte-americano, o que influenciou os negócios na Bovespa.

O aumento acima do esperado do número de postos de trabalho nos EUA mostrou que a economia daquele país continua aquecida e acabou aumentando os temores de um aperto monetário mais forte nos EUA.

Ao longo do pregão, o Ibovespa – principal índice da Bolsa paulista – oscilou entre alta de 1,55% e baixa de 0,44%.

Nos EUA, o índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, caiu 0,49%. A Bolsa eletrônica Nasdaq fechou com perda de 0,61%.

O volume financeiro na Bolsa de Valores de São Paulo somou R$ 1,323 bilhão. As ações preferenciais da Net registram alta de 8,57% e lideram os ganhos no Ibovespa.

A Net, maior empresa de TV por assinatura do país, promoveu um aumento de R$ 639 milhões no seu capital social por meio da emissão de 600 mil ações preferenciais.

Segundo comunicado divulgado ontem pela companhia, o capital social passou de R$ 2,748 bilhões para R$ 3,387 bilhões, representado por 1.573.518.496 ações ordinárias e 2.280.959.030 ações preferenciais.