O Itamaraty está decidido a encaminhar, no fim de julho, o seu pedido à Organização Mundial do Comércio (OMC) de formação de um comitê de arbitragem para julgar as medidas de salvaguardas aplicadas pelos Estados Unidos às importações de aço. A determinação do governo de levar adiante a controvérsia foi reiterada hoje (27) pelo embaixador Clodoaldo Hugueney, subsecretário-geral de Assuntos de Integração, Econômicos e de Comércio Exterior do Itamaraty.

?Vamos enviar o pedido no final de julho. A disposição é de seguir em frente?, afirmou Hugueney. A determinação de seguir com o caso no Órgão de Solução de Controvérsias da OMC, entretanto, não traz a Hugueney temores de que os pedidos do Brasil de exclusão de três produtos siderúrgicos das travas criadas pelas salvaguardas não sejam atendidos. A decisão sobre a isenção de novos itens da lista americana deverá ser tomada a partir do próximo dia 3.