A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) está preocupada com possíveis prejuízos decorrentes dos certificados de cadastro de propriedade rural que o Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) está enviando aos produtores desde o início do ano, referentes a 2000, 2001 e 2002. O motivo da preocupação é que, em novembro do ano passado, o Incra editou a Instrução Normativa 10, que alterou os índices de produtividade das propriedades rurais. Com isso, muitas terras classificadas como produtivas passaram a ser consideradas improdutivas.

A orientação da entidade é que os proprietários rurais que tiveram a classificação alterada sem justificativa, encaminhem ao Incra uma solicitação de reemissão do certificado, com os dados corrigidos. No Paraná, há cerca de 370 mil propriedades rurais, entre pequenas, médias e grandes.