A Corol Cooperativa Agroindustrial, de Rolândia, Norte do Paraná, e o grupo norte-americano Global Protein Group – GPG constituíram ontem uma joint venture denominada Corol Beef, cujo objetivo principal é a construção de uma moderna planta industrial para exportação de carne bovina. A Corol é uma cooperativa que atua há mais de 40 anos na área de grãos, fruticultura, rações, café e produção de açúcar e álcool, possuindo mais de 7 mil cooperados.

A responsabilidade da Corol nessa parceria é de organizar os pecuaristas e garantir a produção com padrão internacional de qualidade. Enquanto isso, a Global Protein Group cuidará da comercialização de toda produção no mercado externo.

A indústria será construída em Rolândia, onde a cooperativa possui outras agroindústrias, o que possibilitará o aproveitamento do potencial energético já instalado, além de diminuir o impacto ambiental.

O investimento total no projeto está estimado em US$ 40 milhões, dividido entre as duas empresas. Esses recursos serão viabilizados através de empréstimos junto aos agentes financeiros nacionais e internacionais para a execução da obra, que terá uma área construída de 25 mil metros quadrados.

Mais de 500 produtores assinaram contrato para participar desse projeto, o qual funcionará nos moldes dos projetos integrados já desenvolvidos pela Corol na produção de álcool, açúcar, suco de laranja e suco de uva.

Serão abatidas inicialmente 500 cabeças/dia, mas a capacidade instalada será de 2 mil animais/dia, meta que deverá ser atingida num período de três anos após a entrada em operação da indústria, que oferecerá mais de 2 mil empregos diretos.

O objetivo, ao implantar essa mais nova agroindústria, é justamente verticalizar o processo, oferecendo ao consumidor final o produto industrializado, garantindo assim maior valor agregado aos cooperados.

Tantos os diretores da Corol, da Global Protein Group como os pecuaristas que participam desse projeto, que estiveram reunidos em Rolândia ontem à tarde, acreditam que a Corol Beef chega para oferecer um produto de qualidade, com condições de ocupar nichos diferenciados do mercado.