O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, afirmou que a projeção de que o desembolso total do banco chegue a R$ 190 bilhões em 2013 ainda não está confirmada. “Um dos diretores falou isso, mas está um pouquinho exagerado esse número”, disse Coutinho.

O dado foi informado pelo diretor financeiro do banco, Mauricio Borges Lemos, no início do mês durante um evento em São Paulo. Segundo Coutinho, o banco de fomento terá “um ano mais forte” que 2012, quando foram liberados R$ 156 bilhões. Coutinho não quis, entretanto, dar uma nova previsão.