Jovens entre 18 e 29 anos terão até o dia 20 para garantir uma das sete mil vagas de cursos profissionalizantes oferecidas gratuitamente pela Secretaria Municipal do Trabalho e Emprego (SMTE), por meio do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Além de uma tenda montada na Praça Rui Barbosa, no Centro, as inscrições poderão ser feitas em 12 terminais de Curitiba. São eles: Cabral, Portão, Hauer, Fazendinha, Pinheirinho, Capão da Imbuia, Bairro Alto, Centenário, Campina do Siqueira, Sítio Cercado, Barreirinha e Santa Cândida.

De acordo com o secretário municipal do trabalho e emprego, Paulo Bracarense, as vagas estão divididas em sete cursos. “Administração é o que tem o maior número de vagas e, consequentemente, mais procura. Estamos oferecendo 2,5 mil oportunidades nessa área”, afirma. Ainda existem vagas para Telemática (1,6 mil) Turismo e Hospitalidade (600), Beleza e Estética (mil), Construção e Reparos (500), Transportes (500) e Esporte e Lazer (300). “Todos os cursos têm duração de seis meses e totalizam 350 horas/aula. As aulas acontecem três vezes por semana e poderão ser feitas de manhã, tarde ou noite”, ressalta o secretário.

Os alunos inscritos receberão uma bolsa auxilio de R$ 100, vale transporte, uniforme e material didático. “Grande parte desses jovens conseguirão no Projovem o primeiro emprego. Por isso disponibilizamos esses benefícios. Através das parcerias firmadas, por meio de licitação, com duas Oscips (Organizações da Sociedade Civil), esperamos incluir esses jovens no mercado de trabalho, bem como contribuir para o futuro profissional deles”, diz Bracarense.

Futuro

Na Praça Rui Barbosa, a desempregada Ariane Talita viu no curso Beleza e Estética a oportunidade de abrir um negócio próprio. “Já trabalhei em um salão de beleza, mas além de poder me qualificar com esse curso, vejo a chance que faltava para abrir meu próprio salão de beleza”, afirma. “A qualificação pode abrir muitas portas no futuro”, ressalta Jonas Fracaro, que irá fazer o curso de Telemática. Além da idade, para participar o jovem deve ter renda mensal per capita de até um salário mínimo e estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental ou médio. Para participar é preciso levar copia do Cadastro de Pessoa Física (CPF), Registro Geral (RG), título de eleitor, carteira de trabalho, comprovante de endereço e histórico escolar. Informações através do telefone (41) 3015-9073 da Sociesc, ou pelo telefone (41) 3333-9409 da Reimer, Oscips responsáveis pelos cursos.

Se você tiver críticas ou sugestões, envie e-mail para emprego@oestadodoparana.com.br.